Salomão, Kaiuca & Abrahão

Investigador demitido da Polícia Civil paulista tem reclamação arquivada
Supremo Tribunal Federal
 
 
10/10/2012

O ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF), negou seguimento (arquivou) à Reclamação (RCL) 10423, ajuizada pelo ex-investigador Robson Luiz Duarte contra sua demissão do governo do Estado de São Paulo. Segundo o ministro Fux, a jurisprudência do STF estabelece que “não se revela admissível a reclamação quando invocado, como paradigma, julgamento do Supremo Tribunal Federal proferido em processo de índole subjetiva que versou caso concreto no qual a parte reclamante sequer figurou como sujeito processual”.

Isso porque Duarte alegou que a demissão violou os princípios do contraditório, da ampla defesa e da coisa julgada administrativa, afrontando, assim, a autoridade de decisões proferidas pelo Supremo em outros casos. O ministro Fux apontou ainda que o STF entende que a reclamação não se qualifica como “sucedâneo recursal nem configura instrumento viabilizador do reexame do conteúdo do ato reclamado, eis que tal finalidade revela-se estranha à destinação constitucional subjacente à instituição dessa medida processual”. Com isso, arquivou a reclamação, ficando prejudicado o pedido de liminar, que requeria a suspensão da demissão.

O ex-investigador foi demitido por ato do governador de São Paulo em 2000, depois de responder a um Processo Administrativo Disciplinar, em decorrência da suposta prática de homicídio de um menor de idade, ocorrido em 1990. O Tribunal de Júri o absolveu da acusação. Duarte pediu sua reintegração ao serviço público e, em 2008, o governador anulou a primeira decisão, mas, no mesmo ato, demitiu de ofício o servidor.

RP/AD

Leia mais:

28/7/2010 - Ex-investigador pede que seja cassada sua demissão do serviço público
 

URL: http://www.stf.jus.br/portal/cms/verNoticiaDetalhe.asp?idConteudo=220576

 
« Voltar
 
Salomão, Kaiuca & Abrahão - Sociedade de Advogados
Rua São José, 70 - 4º andar - Centro - Rio de Janeiro / RJ
+ 55 21 3212-6400
contato@skaadv.com.br
Termos de uso
Política de Privacidade
Webmail